quinta-feira, 11 de agosto de 2011

TRINTA DIAS - TRINTA MENUS (6)

O jantar de hoje era para ser com amigos mas, tendo surgido um impedimento, acabei por cozinhar parte do que tinha planeado.
Ainda bem que foi só parte pois sinto-me uma jibóia a precisar de hibernar...

As receitas inspiraram-se no menu 5 do Curso semanal avançado de culinária macrobiótica, da Professora Natália Rodrigues, IMP, 2011, excepto a sobremesa, que é de autoria de Fernanda Vaz (revista Cozinha saudável aqui já referida).


MASSA COM PESTO E MOLHO DE ALGA ARAME COM AZEITONAS

MOLHO DE ALGA ARAME
Ingredientes
1 chávena de arame
2 cebolas picadas
azeitonas descaroçadas
Shoyu
azeite
raspa de laranja (ou limão).


Preparação
Demolhar a alga 5 a 10 m, renovando a água 3 vezes.
Saltear a cebola picada em azeite com uma pitada de sal até ficar transparente, juntar a arame e cobrir com água; deixar estufar em lume médio cerca de 15 minutos. Acrescentar as azeitonas descaroçadas (o método que uso para o efeito é pôr 10 de cada vez no suribachi e batê-las, contando os caroços para ter a certeza de que não vai nenhum para o preparado), deixar estufar mais uns minutos, polvilhar com umas gotas de shoyu e, no fim, com raspa de laranja (que, no caso, foi limão, pois não tinha laranja).


PESTO CASEIRO

Ingredientes

Manjericão
Azeite
Sal

Preparação
Triturar o manjericão com azeite e sal


APRESENTAÇÃO
Cozer massa a gosto (no caso, espiral, que foi cozida em água a ferver com tira de alga kombu e um cogumelo shitake).
Uma vez cozida, passar por água fria, colocar num prato fundo próprio para massa, temperar de um lado com o molho de cogumelos e do outro com o pesto.

Acompanha com salada.

Como o jantar era festivo, tinha direito a sobremesa, que foi o que me levou ao KO técnico...



SOBREMESA DE PERA E MAÇÂ
Ingredientes
1 pera e 1 maçã por pessoa
pitada de sal
sultanas
1 colher sobremesa de kuzu ou amido de milho
raspa de limão


Preparação
Descascar a fruta, cortar cada peça em quatro e mergulhar em água com sal.
Levar um tacho largo ao lume, colocar os gomos da fruta e uma pitada de sal grosso, tapar e deixar cozer em lume forte; o sal faz com que a fruta vá largando os seus sucos assim impedindo o preparado de queimar.
Ao fim de cerca de dez minutos – ou quando já houver bastante líquido – baixar o lume e acrescentar as sultanas, deixar cozinhar mais 10/15 minutos.
Numa taça, dissolver o amido de milho ou o kuzu num pouco de água, juntar ao estufado de fruta e deixar engrossar, mexendo o tacho em cima do lume em círculos largos a fim de que o molho se incorpore em toda a fruta e lhe confira um aspecto gelatinoso.
Polvilhar com raspa grossa de limão, deixar arrefecer para servir frio, eventualmente decorado com uma folha de hortelã.
A raspa de limão dá-lhe um sabor exótico, amargo mas muito delicado.

Este jantar demorou uma hora a ser preparado e cozinhado.

2 comentários:

  1. Bem! Isto é que é coragem - um projecto para 30 dias. Ainda que só tenha chegado agora, vou acompanhar com atenção e recolher de certeza umas quantas dicas para a minha cozinha! Excelente ideia - obrigada!

    ResponderEliminar